Núcleo Acadêmico Simers

Área do sócio

Núcleo Acadêmico Simers

 

Núcleo Acadêmico do SIMERS realiza ação do Trote Solidário em Pelotas Voltar

22 19:35:00/09/2017

Imagem Capa Post Núcleo Acadêmico SIMERS

A recepção aos calouros do curso de Medicina da Universidade Federal de Pelotas (UFPel) foi marcada por iniciativa beneficente realizada pelo Núcleo Acadêmico do SIMERS (NAS). Após passar por outras 13 universidades do Estado, o Trote Solidário mobilizou os alunos da UFPel para a última ação do ano. Nesta sexta-feira (22) os estudantes doaram sangue no hemocentro municipal e no sábado (23) estarão arrecadando alimentos em três supermercados da cidade.

Quebrando o mito

Estudante do terceiro semestre na UFPel, Jéssica Souza da Silva reforça a importância da iniciativa destacando o próprio exemplo. Há um ano, quando participou como caloura do Trote Solidário, fez a sua primeira doação de sangue. “Eu tinha medo de injeção, de agulha, de tudo. Achava que não conseguiria doar. Mas consegui quebrar esse medo e hoje estou aqui, doando novamente”, conta.

Importância da ação

O Trote Solidário, que neste semestre chega a sua 14ª edição, nasceu com o objetivo de dar um novo conceito ao ingresso na universidade – e desfazer a imagem negativa associada à recepção dos alunos –, transformando as boas-vindas aos calouros em uma ocasião de solidariedade. Em sete anos, a ação já estimulou a doação de 3350 bolsas de sangue e arrecadou 144 toneladas de alimentos.

Na avaliação de William Stertz, membro no NAS e estudante do sexto semestre da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA), o sucesso da iniciativa está justamente em quebrar esse paradigma e ainda em incentivar nos estudantes o sentimento de altruísmo. “Eles já entram na faculdade com o foco em ajudar as pessoas. Esperamos que isso se torne rotina e se perpetue em suas vidas, não apenas como profissionais médicos, mas também como cidadãos”, diz.

De acordo com Stertz, a expectativa é de ampliar a ação no primeiro semestre de 2018, quando estão previstas as adesões da Unipampa, de Uruguaiana, Unisinos, de São Leopoldo, e da Feevale, de Novo Hamburgo, chegando a um total de 17 Universidades gaúchas participantes. “Esse crescimento é constante e esperamos conseguir superar os números alcançados”.

Já segundo a coordenadora de enfermagem do Hemocentro de Pelotas, Luciane Schiavon, ações como o Trote Solidário são fundamentais para a manutenção do banco de sangue do local. Ela revela que as doações voluntárias não são suficientes para manter o estoque em um nível adequado. “O ideal seria termos sempre cerca de mil bolsas por mês para suprir as nossas necessidades. Atualmente, coletamos de 800 a mil bolsas, graças a campanhas como essa”, afirma, agradecendo à iniciativa dos alunos e do SIMERS.

Campanha segue

No sábado (23), o Trote Solidário segue com a arrecadação de alimentos não perecíveis. Os estudantes de Medicina estarão recebendo as doações em três supermercados diferentes na cidade, pedindo a colaboração dos clientes. As doações devem beneficiar instituições atendidas pela rede de Bancos de Alimentos do Rio Grande do Sul.

Supermercados

BIG Pelotas - Av. Presidente Juscelino Kubtscheck de Oliveira, 2300 - Areal

Nacional 01 - Rua Lobo da Costa 1251 - Centro

Nacional Calçadão - Rua General Osório 656 - Centro

Loader

Fechar