Núcleo Acadêmico Simers

Área do sócio

Núcleo Acadêmico Simers

 

Mais de 40 mil pessoas serão beneficiadas com doação do Trote Solidário do SIMERS Voltar

31 14:06:00/08/2017

Imagem Capa Post Núcleo Acadêmico SIMERS

A 13ª edição do Trote Solidário realizada pelos calouros de medicina e organizada pelo Núcleo Acadêmico do Sindicato Médico do RS (NAS-SIMERS) arrecadou no primeiro semestre desse ano 518 bolsas de sangue e 20,6 toneladas de alimentos. O sangue doado ajudará a salvar 2.072 pessoas e os alimentos vão beneficiar em um dia mais de 40 mil pessoas, o equivalente a alimentar, por exemplo, toda a população de Tramandaí em um único dia.

Para o vice-presidente do NAS, Wilian Stertz o grande objetivo da ação é estimular os novos alunos e os que já passaram pelo Trote a continuarem ajudando ao próximo. “Os bancos de sangue precisam de sangue todos os dias, assim como a arrecadação de alimentos é importante para alimentar pessoas necessitadas. O nosso principal objetivo é estimular os alunos para que sigam com essa ação para o resto da vida”, considera.

A iniciativa foi elogiada pelo pró-reitor de pesquisa e pós-graduação da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre, Airton Stein. “O rito de passagem do ensino médio para a graduação habitualmente era feito de uma maneira não adequada. Essa iniciativa do SIMERS estimula os acadêmicos para ações comunitárias e isso é muito bom. O aspecto da solidariedade é um atributo essencial para todo o médico”, destacou.

Já a vice-coordenadora do curso de Medicina da Universidade Federal de Ciência da Saúde (UFCSPA), Gisele Bastos, destacou que a universidade sempre apoia esse tipo de iniciativa e fica satisfeita em ver os alunos ingressando e trabalhando neste projeto.  “A ação não teve início especificamente conosco, mas a universidade se engajou e conseguiu fazer com que seus alunos, já no seu ingresso, participassem. Isso certamente gera uma motivação para eles, futuros médicos, no ponto de vista de relação médico paciente e relação com as comunidades onde eles vão estar inseridos e atuando”. 

Sobre o Trote Solidário
O Trote Solidário teve início em 2009 e durante esse tempo foi possível perceber mudanças significativas, conforme explica o diretor do SIMERS, Fernando Waldemar. “A principal mudança percebe-se na qualidade da organização, no aumento da participação dos estudantes e nos resultados obtidos. Tanto o resultado quantitativo, com o número de donativos de bolsas de sangue que são recolhidas, quanto à qualidade da participação dos estudantes no nível de organização, conseguem entusiasmar estudantes de todo o Rio Grande do Sul, além de servir de exemplo para outros estados, mudando a cultura, trazendo um retorno social para essa atividade extra de integração”, completou o diretor. 

Gincana
Na tradicional gincana entre as universidades da Região Metropolitana de Porto Alegre (UFCSPA, ULBRA, UFRGS e PUC); Passo Fundo (entre as universidades UPF, IMED e UFFS); Santa Maria (UFSM e UNIFRA) e Pelotas (UCPEL e UFPEL), as vencedoras foram, respectivamente, UFCSPA, IMED, UNIFRA e UFPEL. 
 

Loader

Fechar